segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Qualquer Lugar

Vem me abraçar
E sem pudor me beijar...
Vem pra perto de mim.

Pois longe de ti,
Longe de ti é meio!

Não tem alegria completa
Como noutrora em que
Estávamos colados.

E agora o desejo
Dentre mim aumentando
Sem saber para aonde vai...

Só quero ir,
Ir pra qualquer lugar
Desde que lhe tenha
Em meus braços.

Nenhum comentário:

Postar um comentário