quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Lembranças...

"Neste lidar com seres e absolutos"
Busco, não encontro...
Será que neste lidar incompreensível in-completo
estaria, pois?
Encontro apenas
nos tortuosos (e confusos) vãos da
minha consciência desconcertante...
Subitamente...
Calmamente...
Alívio que se finda...
Dores que se intensificam.


"Anônimo"
Se quiseres apago.


2 comentários:

  1. Não há como apagar 'lembranças'... deixe-as florescer e quem sabe um dia murcharem... afinal, são elas que ainda restam...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir