domingo, 12 de janeiro de 2014

Queria um raio bem em cima de mim 
Na minha cabeça despedaçada 
No meu coração dilacerado 
No meu fim inacabado 

Não tenho mais o que vivenciar 
Daqui não faço mais parte 
Não sirvo para mais nada 
Não quero olhar para os lados

Estou farto de buscar 
Não sou caçador 
Queria ser a caça
Não é por amor 
É por dor 

Pudor de toda essa tristeza 
Rica em detalhes que surpreende
Poluem minha mente vazia de vazio 
Estou farto de devaneios farto da vida 

Me deem uma corda
Não precisa ser grande
Que apenas seja um acorda
Me deem uma corda 

Nenhum comentário:

Postar um comentário